Investir em mobile ou na bolsa? Faça a escolha certa!

Investir em mobile ou na bolsa de valores? Neste post, saiba a melhor forma de aplicar o lucro da sua software house!


O cenário é o mesmo para todo empreendedor. Você dedica anos da sua vida para abrir um negócio e espera receber como retorno um valor que restitua todo o investimento e ainda sobre certa quantia para mantê-lo mensalmente durante o resto de sua vida.

Para abrir sua software house você precisou de muita pesquisa, criatividade, planejamento, aluguel de espaço físico, compra de equipamentos, contratação de equipes… Tudo isso custou muito dinheiro, sem contar com as noites em claro, as horas extras e toda a dedicação que você desprendeu até alcançar seu objetivo.

Os anos foram passando e de repente você se viu à frente de uma empresa bem sucedida que tem proporcionado um retorno maior do que o esperado. O que fazer então? 

Usar este dinheiro para investir em mobile, por exemplo, já que seu ERP ainda é desktop ou arriscar a bolsa de valores? Acompanhe este post para entender qual a melhor forma de aplicar o dinheiro da empresa!

O que considerar acerca das aplicações financeiras? 

Você já está cansado de saber que toda tomada de decisão envolve prós e contras, não é verdade? E não seria diferente na hora de decidir qual a melhor forma de investir o lucro da sua software house.

Em relação às aplicações financeiras, muitos fatores devem ser considerados. Primeiro de tudo é a sua disposição em investir seu dinheiro em aplicações de baixo, médio ou alto risco. Além disso, você também deve avaliar o tempo em que este dinheiro deverá ficar retido para que você possa finalmente resgatá-lo.

A bolsa de valores pode ser muito lucrativa se utilizada por pessoas que realmente entendem do negócio, mas os riscos também são muito grandes. 

Em 2019, por exemplo, o Brasil atingiu o número de 1 milhão de CPFs cadastrados na Bolsa de Valores. Este número é um recorde e só foi possível por conta da facilidade que as pessoas estão tendo de encontrar informações sobre este tipo de investimento na internet.

E aí é que está o perigo: muitos destes investidores são novatos e imaturos e acabam perdendo muito dinheiro rapidamente e desistindo dos investimentos. Segundo esta reportagem da Veja, entre 2012 e 2017, as perdas individuais foram de R$ 35,90 a muito mais de R$ 1 mil por dia.”   

É claro que existem muitos outros tipos de investimentos com taxas menores, porém muito mais seguros. É o caso do Tesouro Direto, Títulos Públicos, Debêntures, entre outros. Neste caso vale considerar também que alguns deles rendem apenas 7,5% ao ano, ou seja, um lucro bem baixo, mesmo que garantido.

Por que investir na própria software house?

As possibilidades de investimentos em seu próprio negócio são inúmeras e, na maior parte do tempo, o retorno pode ser certo e rápido. 

Numa software house, por exemplo, você pode escolher investir em infraestrutura, nos próprios colaboradores, pode buscar formas de aumentar o capital de giro da empresa ou até mesmo criar novas formas de inovação. 

Tudo isso envolve planejamento e dedicação, mas todas estas ações podem trazer novos clientes e consequentemente mais lucro para a empresa. Agora vamos falar um pouco mais sobre as vantagens de cada tipo de investimento:

  • Investimento em infraestrutura

O tempo passa e as coisas se deterioram, isso é um fato. Nós sabemos que os móveis ou os equipamentos eletrônicos vivem sendo substituídos ou passando por manutenção, mas quando foi o último grande investimento em infraestrutura que você fez?

Pode parecer bobeira, mas computadores novos geram mais eficiência para toda a equipe e menos mão de obra para o pessoal de TI ou quem fica responsável pela manutenção. Um ambiente renovado, com cadeiras e mesas confortáveis, também pode refletir diretamente na produtividade e animação de toda sua equipe. E pessoas engajadas e tecnologia propícias levam a maior qualidade de seus produtos e serviços.

  • Investimento na equipe

Sua software house não existiria se não fosse a sua equipe, não é verdade? Eles são a chave principal do seu negócio e também devem ser valorizados. Toda empresa sofre com a rotatividade de funcionários, então nada mais justo do que usar um pouco do lucro para investir na sua equipe e fazê-los se sentirem mais felizes ao trabalhar com você.

E de que forma isso pode ser feito? Com medidas simples como benefícios, treinamentos ou algum incentivo financeiro para que aquele programador cheio de potencial conheça outras linguagens de programação, por exemplo.

Dessa forma você não investe apenas nos profissionais, porque sua software house receberá funcionários mais fiéis, satisfeitos e experientes como retorno.  

  • Investimento em tecnologia e inovação  

Aqui no blog, nós abordamos esse assunto inúmeras vezes, como neste e neste post, principalmente no que se refere aos benefícios de investir em mobile caso seu ERP ainda seja desktop. 

O perfil dos consumidores mudou com a mesma velocidade da transformação digital, e ficar para trás em relação às novidades do mundo da tecnologia pode ser muito prejudicial para sua software house.

Os clientes conhecem de perto tudo o que há de novo no mundo da tecnologia e levam muito a sério questões como experiência do usuário e mobilidade.

A tecnologia da conectividade móvel está em ascensão e investir em mobile é a melhor forma de deixar seus clientes antigos mais satisfeitos e conquistar novos clientes que veem isso como um diferencial.

Que tal investir em mobile?

Mas antes de pensar em transformar seu ERP em aplicativo, que tal conversar com quem entende do assunto? Nós, a TecnoSpeed, estamos há 15 anos no mercado e adquiriu, durante este tempo, toda a experiência necessária para ajudá-lo neste momento.

Pensando em quem quer migrar seus serviços, a empresa criou a solução PlugMobile, em que torna seu software mobile, independente da linguagem de programação.

Entre em contato com a equipe do PlugMobile e conheça de perto as vantagens de investir em mobile!Investir em mobile ou na bolsa de valores? Neste post, saiba a melhor forma de aplicar o lucro da sua software house!

Formado em Comunicação em Multimeios. Analista de Marketing da TecnoSpeed, focado em produção de conteúdos para mídias digitais.

Artigos relacionados