Venda presencial vs controle de estoque: como equilibrar essa dupla?

É possível equilibrar a venda presencial e o controle de estoque? Saiba os passos fundamentais para organizar a entrada e saída de produtos!


O comércio no Brasil é um modelo de negócio que está em crescente no mercado. Segundo a Fecomércio de São Paulo, agora em  2020 espera-se que aumente 6% o número de vendas em relação ao ano anterior.

Contudo, as empresas não funcionam somente como intermediadora das comercializações, elas precisam também se organizar, principalmente quando se trata de uma venda presencial.

Você, desenvolvedor, já imaginou as dificuldades do empresário em fazer o controle de estoque na venda presencial? Entenda como isso é um desafio para a empresa, além da necessidade de manter essa organização interna e equilibrar a saída de produtos para vendedores externos a partir de métodos e sistemas de estocagem.

Continue aqui e entenda mais sobre o assunto! Boa leitura. 

Invista na mobilidade corporativa, conheça o PlugSales.

Venda presencial: um desafio para a empresa

Os empresários brasileiros enfrentam diversos desafios todos os dias. Em 2019, o Brasil bateu recorde de número de empresas legalizadas diante o Governo Federal, mostrando que a concorrência cresce de forma avassaladora e que qualquer questão interna ou externa é primordial para se sobressair aos demais negócios do mesmo nicho. 

Em meio a essa necessidade de destaque no mercado, salientamos a importância do planejamento e organização empresariais. Os comércios que trabalham principalmente com venda presencial, em que o vendedor sai de seu balcão e vai diretamente ao cliente, devem se atentar ao estoque e às anotações feitas sobre isso. 

Por isso, o primeiro desafio desse empresário está nos seus concorrentes, mas que outros pontos também interferem e necessitam de atenção, como a venda presencial e o controle da mesma para a gestão da empresa. 

A necessidade do controle de estoque

Para qualquer empresa que trabalha no comércio é fundamental o controle de estoque. A pessoa que está iniciando nesse ramo muitas vezes comete o erro de não desenvolver um sistema, que analisa a estocagem dos produtos e gera métricas em cima disso. Talvez essa atitude pareça essencial para negócios de grande porte, porém qualquer uma precisa disso!

Os lucros e perdas somente são calculados de maneira concisa se houver documentos registrando a entrada e saída de produtos. A venda presencial, por exemplo, precisa de organização, mesmo que o vendedor saia da loja sem saber quais itens irá vender – já que depende do interesse dos clientes procurados. 

Mas, independente do quão complexo seja, se não existir essa organização, a empresa começa a se perder nas contas e não ter noção do quanto está ganhando e o que está perdendo. Isso pode até mesmo levar à falência, um grande problema para o empresário. 

Como equilibrar a venda externa de uma empresa?

Para você que está pensando em adotar um método de controle de estoque para a venda externa, entenda o que é essencial nos dados e o que precisa ter em um sistema antes de adquiri-lo ou desenvolvê-lo ao seu cliente. 

É importante ressaltar que esse tipo de arquivo deve fugir de papéis e anotações do tipo. Além de ser antiquado, caso aconteça algum acidente com a empresa, todas as análises e métricas serão perdidas. Por isso, um software especializado na área é a melhor opção. 

Controle de entrada e saída

Em primeiro lugar, a venda externa precisa de controle de entrada e saída de seus produtos. A partir dessa informação é possível calcular se está havendo ganhos os perdas para a empresa, além de saber em quais produtos se deve mais investir e naqueles que é preciso diminuir o número de compras. 

O empresário que não controla a venda presencial está burlando as práticas de controle de estoque. Além de fugir de dados exatos, já que os produtos vendidos fora da empresa não entram para a lista, prejudica nas contas no final do mês, gerando muita dor de cabeça. Por isso, sempre coloque no sistema tudo que foi comercializado, inclusive pelos vendedores externos. 

Balanço de produtos

Além disso é extremamente importante fazer o balanço dos produtos. Quando falamos disso, estamos dizendo sobre listar quais são os itens mais importantes – de acordo com algum parâmetro escolhido pela empresa, como número de vendas, preço e afins – e listar estratégias para a sua estocagem. 

Se uma loja de roupas vende muitas meias, por exemplo, é preciso criar técnicas que dêem uma entrada rápida desse produto e que condiz com a quantidade de saída do mesmo. Para isso existem muitos modelos de controle de estoque, como o armazenamento sazonal, UEPS e PEPS

ERP e controle de estoque

Entendemos até aqui que a venda presencial é um tipo de serviço que os comércios oferecem, mas que muitos empresários não realizam o controle de estoque da melhor forma. Além disso ser um erro, afeta completamente nas métricas do negócio, apresentando resultados duvidosos e até mesmo falhos. 

Para você que está trabalhando com algum cliente que necessita desse tipo de controle, conheça a solução Força de Vendas, um projeto da TecnoSpeed e de seu sistema PlugMobile. A partir desse serviço é possível integrar o software da empresa a um aplicativo que coleta dados e demais informações, a fim de manter a entrada e saída da empresa em dia.

Ou seja, além de auxiliar o vendedor no processo de venda externa, também organiza o empresário nas informações necessárias para fazer o processo de estocagem. O sistema é, então, uma aliada para os comerciantes!

Conclusão 

Para finalizarmos o nosso artigo precisamos retomar o que foi discutido. A venda presencial é uma parte muito importante dos comércios, porém sofre com a falta de um planejamento adequado no momento de organizar a entrada e saída de produtos. Essa falha no controle de estoque pode afetar as contas da empresa e até mesmo levar a resultados negativos. 

Em meio a isso, adotar um sistema que faça a gestão de estocagem e demais aplicações que auxiliem nesse controle é a ferramenta certa. O PlugMobile, com a solução Força de Vendas, é a opção ideal, que somente a TecnoSpeed dá a você!

Formada em Publicidade e Propaganda. Cria conteúdos para o PlugMobile, a solução mobile da TecnoSpeed.

Artigos relacionados