Tempo de Leitura: 4 minutos

Emitir NFCe com Javascript é possível, mas você sabe quais desafios te esperam? Separamos um material exclusivo para te preparar, boa leitura.


A satisfação do cliente é o objetivo das melhores Software Houses, a qual só é alcançada com a oferta das soluções ideais, que realmente resolvem o problema do cliente. Nesse sentido, o seu Software deve ser capacitado para atender todas as necessidades da empresa, inclusive, quando se trata da emissão de NFCe diretamente do sistema.

A cada dia, novos estados confirmam a adesão à Nota Fiscal de Consumidor eletrônica, o que, consequentemente, aumenta a procura dessa funcionalidade para o sistema de  gestão.

A NFCe (Nota Fiscal do Consumidor eletrônica) é um documento fiscal em formato eletrônico, integrante do SPED, com a finalidade de registrar as transações comerciais realizadas entre uma empresa e o consumidor final, sendo similar ao cupom fiscal.

Para agregar um módulo de NFCe ao Software, o desenvolvedor deve considerar a linguagem de programação a ser utilizada. Uma das linguagens mais populares nos dias de hoje é o JavaScript.

Continue conosco neste artigo para conhecer as etapas e os desafios da implementação do módulo NFCe com JavaScript!

conheça a solução NFCee e da tecnospeed e automatize o seu sistema.

Entenda a Linguagem JavaScript

A linguagem JavaScript surgiu em 1995 e atualmente é uma das mais utilizadas em todo o mundo. Por meio dela, os programadores são capazes de desenvolver páginas dinâmicas, aplicativos, sistemas e até serviços de alta complexidade.

O JavaScript está presente em vários navegadores, sistemas operacionais e dispositivos desktops e móveis, ele atua em complementação a outros tipos de linguagem como HTML, CSS e PHP.

Em resumo, o JavaScript é responsável por controlar o comportamento dos elementos, executando funções dinâmicas dos conteúdos, animações, aplicativos e interações em geral.

Desafios da Linguagem JavaScript

Apesar de ser uma linguagem popular, o JavaScript conta com algumas peculiaridades que demandam maior cuidado e atenção especial do desenvolvedor.

Trata-se de uma linguagem vulnerável as brechas de segurança nos sistemas, navegadores e páginas envolvidas, ela pode ser usada para executar programas maliciosos sem o consentimento do usuário, pode ser renderizada de maneiras diferentes pelos dispositivos compatíveis e causar problemas de desempenho.

Além disso, nem sempre é compatível com todos os navegadores e sistemas existentes, constituindo em mais um desafio enfrentado pelos profissionais, de forma que o desenvolvedor precisa verificar uma série de requisitos para garantir o perfeito desempenho da aplicação e a segurança de todas as informações a serem transmitidas pelo sistema.

Aprenda como emitir NFCe com JavaScript no seu software.
Apesar de popular o Javascript exige conhecimento pleno por parte do DEV, se atente.

Aprenda a emitir NFCe com JavaScript

O primeiro passo para emitir a NFCe com Java é fazer a leitura completa do Manual do Contribuinte e absorver as especificidades necessárias para a implementação.

Os desafios continuam por aqui, pois, o documento é bem longo, apresentando vários códigos e conceitos técnicos.

É importante que um dos integrantes da equipe de desenvolvedores tenha conhecimentos sobre a legislação fiscal e emissão de documentos fiscais, caso contrário, a ajuda de uma equipe externa de especialistas será requisitada.

Vamos às etapas para a emissão da NFCe com JavaScript.

1. Criação do XML

O Manual do Contribuinte disponibilizado pela Sefaz especifica o XML como padrão de documentos e estabelece alguns critérios para o envio, assim, é necessário buscar todas as informações para gerar um arquivo XML de maneira correta.

Segundo as recomendações, o padrão adotado é o W3C para XML 1.0 e a codificação dos caracteres é UTF-8, de forma que todos os documentos XML devem iniciar com a seguinte declaração:

 <?xml version=”1.0” encoding=”UTF-8”?

2. Assinatura com Certificado Digital

Depois de gerado o documento em XML é necessário assiná-lo por meio do Certificado Digital da SEFAZ. O certificado também será exigido no momento da transmissão.

De acordo com as recomendações técnicas:

O certificado digital utilizado no Sistema Nota Fiscal eletrônica será emitido por Autoridade Certificadora credenciada pela Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil, tipo A1 ou A3, devendo conter o CNPJ da pessoa jurídica titular do certificado digital no campo OtherName OID =2.16.76.1.3.3 ou o CPF da pessoa física titular do certificado digital no campo OtherName OID=2.16.76.1.3.1”.

3. Implementação do Cliente

As instruções de implementação estabelecem que o padrão de comunicação é baseado em Web Services, os quais são disponibilizados pelo Sistema de Recepção de Nota Fiscal eletrônica.

A implementação pode ser efetuada de maneira síncrona ou assíncrona. Será síncrona quando processadas imediatamente, a partir de uma única conexão e assíncrona quando processadas de forma distribuída por vários processos, necessitando de uma segunda conexão.

4. Envio e Retorno dos Web Services

Por fim, é preciso enviar a NFCe com JavaScript pelos Web Services específicos e aguardar um retorno positivo. Caso tenha um retorno negativo, grande parte do processo deverá ser revisto e por vezes até reformulado inteiramente.

Cuidados para emitir a NFCe com JavaScript

Como você pode comprovar, desenvolver um módulo de NFCe com JavaScript não é nada fácil, o profissional responsável pelo projeto deve manter-se sempre atualizado em relação ao Manual do Contribuinte e às legislações fiscais, acompanhando todas as notícias contábeis que influenciam direta e indiretamente na geração e emissão dos documentos fiscais.

Como emitir NFCe com JavaScript em poucos minutos

Para possibilitar a emissão da NFCe com JavaScript diretamente do seu Software não é necessário passar por toda essa complicação. Existe um jeito muito mais simples e fácil de você realizar essa implementação em poucos minutos!

Basta integrar a API da TecnoSpeed ao seu sistema, assim, em poucos cliques, a sua Software House estará preparada para suprir todas as necessidades do cliente.

Conheça a NFCe com JavaScript

Para que o seu sistema seja capaz de emitir a NFCe com JavaScript de maneira rápida e eficiente, conheça a nossa API de NFCe!

Evite o retrabalho e as dificuldades em desenvolver a implantação de um módulo emissor de NFC-e com JavaScript! Conheça o PlugNotas, da TecnoSpeed e simplifique sua vida.

O PlugNotas é uma biblioteca para emissão da NFCe inteligente e muito prática, podendo ser integrada em poucas horas ao seu sistema. Muito mais do que apenas uma API que recebe suas requisições e executa, ele realmente cuida de todo o processo da NFCe!

Clique no botão abaixo e veja como é fácil integrar a NFCe TecnoSpeed ao seu Software.

CONCLUSÃO

Diante da enorme dificuldade técnica para criar e manter um módulo fiscal, a alternativa de contar com uma integração apresenta-se como uma solução incrível para a sua Software House.

A partir da integração, você não se preocupa mais com a NFCe, uma vez que, a plataforma cuida de tudo para você, desde a geração do XML até a impressão do DANFCe. Além do mais, você tem a segurança de contar com uma plataforma atualizada de acordo com as legislações vigentes e fica livre para dedicar-se ao core business da sua empresa.

Summary
Entenda a Linguagem JavaScript
Article Name
Entenda a Linguagem JavaScript
Description
A linguagem JavaScript surgiu em 1995 e atualmente é uma das mais utilizadas em todo o mundo. Por meio dela, os programadores são capazes de desenvolver páginas dinâmicas, aplicativos, sistemas e até serviços de alta complexidade. O JavaScript está presente em vários navegadores, sistemas operacionais e dispositivos desktops e móveis, ele atua em complementação a outros tipos de linguagem como HTML, CSS e PHP. Em resumo, o JavaScript é responsável por controlar o comportamento dos elementos, executando funções dinâmicas dos conteúdos, animações, aplicativos e interações em geral.
Author
Publisher Name
TecnoSpeed
Publisher Logo

Localização

Tecnospeed ©  2021. Feito com ❤ pelo time Tecnospeed.