Software para Transportadora: quais documentos fiscais emitir?

Integrar módulos de documentação fiscal em seu software para transportadora pode ser o diferencial da sua empresa. Leia tudo sobre o assunto aqui! 


Se você tem uma Software House e lida diariamente com diversos segmentos que emitem documentos fiscais, certamente já ficou perdido em relação ao que um bom sistema ERP para logística deve apresentar, não é mesmo?

Aqui, neste blog, nós já detalhamos de forma completa tudo sobre a emissão de CT-e e CT-e OS . Porém, para que seu sistema ERP para transportadoras esteja completo, ainda é necessário incluir um módulo para MDF-e, ou Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais.

Este último documento tem um formato exclusivamente digital e deve ser emitido por todas as empresas prestadoras de serviços de transporte de carga. O objetivo principal desta documentação é diminuir a burocracia que existe neste segmento e facilitar o dia a dia de contadores, empresários e agentes fiscalizadores.

Neste post, vamos apresentar um resumo sobre quais documentos fiscais um Sistema ERP para Logística ou Transportadora deve emitir e porque a TecnoSpeed pode ser uma importante parceira! 

Módulos que um software para transportadora deve apresentar

Um software para transportadora completo deve apresentar 3 módulos de emissão de documentos fiscais: MDF-e, CT-e, e o mais novo de todos, CT-e OS. Vamos entender um pouco mais sobre cada um deles?

  • CT-e: 

Este documento fiscal é emitido em formato digital e exclusivo para empresas que prestam serviços de transporte de cargas. Ele abrange todos os modais de transporte: Rodoviário, Ferroviário, Aquaviário, Aeroviário, Dutoviário e Multimodal e é válido por todo território brasileiro.

Por ser um documento exclusivamente digital, não precisa ser impresso em papel, apenas armazenado em um computador ou na nuvem. Sua validade fiscal se dá por conta da assinatura digital do empreendedor que aparece durante sua emissão.

Além disso, sempre que um CT-e for emitido, é necessário imprimir um outro documento, chamado DACTE. Este sim deve ser impresso e levado no veículo durante o serviço de transporte para ser apresentado durante as eventuais fiscalizações.    

  • CT-e OS: 

Este documento é muito parecido com o descrito acima, porém a principal diferença se dá no tipo de prestação de serviço que a empresa executa.

O CT-e OS deve ser emitido por: 

  • agência de viagem ou transportador no serviço de transporte de pessoas (nas modalidades intermunicipal, interestadual ou internacional); 
  • transportador de valores ou transportador de passageiros, englobando os documentos de excesso de bagagem emitidos durante o mês.

O objetivo do CT-e OS é o mesmo do CT-e, ou seja, facilitar a fiscalização do fisco e demais órgãos reguladores, levando melhor transparência, qualidade e rapidez do serviço por meio do documento fiscal eletrônico.

Além disso, o CT-e OS também deve ser acompanhado da sua versão física, o DACTE OS. E, assim como acontece com o CT-e, precisa ser impressa e levada dentro dos veículos durante o transporte de pessoas ou valores. A versão digital do documento deve estar disponível para consulta por meio da chave de acesso numérica presente no papel.  

  • MDF-e: 

Esta documentação deve ser emitida por todas as empresas que prestam serviços como transportadoras de carga. 

Quando você opta por integrar todos os módulos de emissão de documentos fiscais em seu sistema ERP para transportadora, o preenchimento do MDF-e se torna muito rápido e eficiente. Isso porque os campos podem ser preenchidos automaticamente aproveitando as informações do módulo CT-e. 

Dentre as inúmeras finalidades do MDF-e, temos:

  • Permitir o rastreamento da circulação física da carga; 
  • Identificar o responsável pelo transporte a cada trecho do percurso; 
  • Consolidar as informações da carga acobertadas pelos CT-e ou NF-e; 
  • Agilizar o registro em lote de documentos fiscais em trânsito; 
  • Registrar as alterações/substituições das unidades de transporte ou de carga e seus condutores; 
  • Registrar o momento do início e do fim da operação.

São muitas informações para serem consideradas e a regulamentação brasileira é muito complexa e longa. Todos os empreendedores que lidam diariamente com documentação fiscal, principalmente na prestação de serviços de transporte, sabem bem das consequências que uma simples falha pode ocasionar.

Se quer sair na frente da concorrência e oferecer um software para transportadora simples e completo, deve considerar a integração de todos os módulos fiscais em seu sistema ERP para logística. Nesse caso, conte com a TecnoSpeed!

TecnoSpeed, criando as soluções que seu software merece!

A TecnoSpeed, conhecida também como A Casa do Desenvolvedor, foi criada em 2006 e, desde então, se especializa cada vez mais em desenvolver softwares que facilitem o dia a dia dos desenvolvedores de software! Sensacional, não é?

Levando em consideração toda a burocracia que envolve a criação de um sistema ERP de logística e transporte, a TecnoSpeed decidiu facilitar seu trabalho, deixando-o livre para se dedicar aos requisitos mais importantes do seu software para transportadora!   

Então conheça a três soluções de documentação fiscal de transporte que resolverão seus problemas:

Quando você opta por integrar esta solução ao seu software, deixa de se preocupar com todas as etapas de emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico, desde a geração do XML até a impressão do DACTe, porque a plataforma cuida de tudo por você. 

Esta solução, quando integrada ao seu software, funciona exatamente como a CT-e, e também realiza todas as etapas de emissão do Conhecimento de Transporte eletrônico para Outros Serviços. 

Esta plataforma realiza todos os processos que envolvem a emissão do Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais, desde a geração do XML até a impressão do DAMDFe. 

Todas as soluções se mantêm atualizadas de acordo com a legislação vigente, de forma que você não precise perder tempo com isso. Além disso, quando você escolhe fazer uma parceria com a TecnoSpeed, pode contar com nossa equipe de atendimento, já que oferecemos suporte técnico e tributário especializado em desenvolvedores. 

Nossas plataformas podem ser facilmente integrada em seus softwares, pois a integração pode ser feita de suas formas: via componente e via API. 

Formada em Publicidade e Propaganda. Cria conteúdos para o PlugMobile, a solução mobile da TecnoSpeed.

Artigos relacionados