Validação tributária de NF-e: o que é e como implementar?

Quer ajudar os seus clientes com a validação tributária das notas fiscais e implementar uma solução que faz todo o trabalho para você? Então, precisa ser este post!


O que você sabe sobre validação tributária de nota fiscal?

Se você tem empresas como clientes, sabe que elas precisam emitir notas fiscais a cada operação comercial realizada. Para isso, essas notas precisam ser analisadas e autorizadas pela Sefaz.

Mas com uma grande demandas de NFes para serem emitidas, elas precisam de uma ajuda extra para realizar a emissão e a validação da nota sem correrem o risco de ter problemas com o fisco. 

Nesse cenário, sua software house pode ajudar muito os seus clientes. Ao longo do post, vamos falar mais sobre a validação tributária das notas fiscais e te mostrar como você pode auxiliar as empresas nesse processo com o seu ERP. Confira!

O que é validação tributária de nota fiscal 

Quando uma empresa vende um produto, precisa registrar essa venda por meio da emissão de uma nota fiscal, um documento com todos os dados fiscais sobre aquela transação.

Essa nota precisa ser validada. Quando isso acontece, ela passa a ter validade nacional e precisa ser guardada por 5 anos para fins de consulta

A validação tributária de nota fiscal é o que faz a NFe ter valor legal. Ela é feita por meio da assinatura digital do emissor da NFe e a partir da autorização de uso da Sefaz.

Só assim aquela venda pode ser considerada legal. A Sefaz, então, verifica o arquivo XML da nota e a assinatura no documento. Caso exista algum erro, a nota é invalidada. 

As informações sobre essas transações ficam disponíveis na internet e é possível acessá-las por meio de uma chave de acesso da própria NFe. A Sefaz do estado correspondente à operação também consegue acessar. 

Manager SaaS

A importância da validação tributária da NF-e antes de emiti-la

A nota fiscal é uma forma de realizar operações seguras e as empresas não podem negligenciar esse ponto.

Além disso, ela é fundamental para se manter em dia com o Fisco. Por isso, a validação é tão importante, para evitar problemas com a Receita. 

O ideal é fazer a validação antes de emitir a nota. Isso porque, se algum erro for identificado, é possível corrigi-lo e evitar o retrabalho de emitir uma nova nota.

Agora, se uma empresa trabalha com muitas NFes ao mesmo tempo, o melhor a fazer é utilizar um software que automatize o processo de validação. Assim, nenhum trabalho manual é necessário, facilitando muito o processo de emissão e validação das notas. 

Então, o seu software pode ajudar muito os seus clientes nesse quesito. A seguir, vamos falar mais sobre o assunto. Confira!

Por que ter validação tributária no seu software?

As notas fiscais eletrônicas facilitam muito as operações realizadas pela Receita Federal para fiscalizar as empresas, além de serem um meio mais rápido para comprovar as transações feitas.

Ao mesmo tempo, as NFes exigem que as empresas tenham uma grande organização para não perderem essas notas e conseguirem emiti-las e validá-las em grande escala. 

Por mais que o site da Sefaz permita o acesso às notas, nem sempre isso é organizado.

Então, as empresas precisam de uma ajuda extra na hora de validarem e emitirem as NFes. Aqui, entram os sistemas de gestão que ajudam esses negócios com os processos de notas fiscais e arquivos XML.

O ideal é que o software traga a possibilidade de o usuário salvar os dados fiscais na nuvem, para evitar perdas e erros. Além disso, o sistema deve oferecer uma fácil visualização das NFes, tornando os processos mais rápidos e simples. 

O seu software deve organizar as notas e torná-las acessíveis para diferentes departamentos dentro do negócio. Afinal, sem elas não é possível comprovar nenhuma operação comercial realizada. 

Vale dizer que, se você decidir trazer a validação das NFes para dentro do seu software, você precisa ter implementadas as regras de validação de esquema do arquivo XML (em que a nota será emitida). Isso porque, se o problema for de estrutura, a Sefaz rejeita a nota. 

Agora, a validação tributária da nota, que consiste em auditar o conteúdo dos campos do XML é tão importante quanto a validação da sua estrutura.

Se ela não for feita, pode dar ainda mais dor de cabeça para a empresa do que uma simples rejeição da nota, porque ela pode estar pagando impostos a mais ou a menos. No primeiro caso, perde dinheiro, no segundo, corre o risco de ser autuada.  

Agora, já pensou mobilizar todo o time de desenvolvedores para entender essas regras com profundidade e implementá-las ao seu ERP? Esse seria um trabalho demorado e sem garantia de sucesso. 

Por isso, que tal contar com um sistema já pronto, que você só integra ao seu software, para fazer a validação de todas as notas dos seus clientes? Temos uma solução para isso, é o Auditor Fiscal TecnoSpeed. Confira a seguir!

Auditor Fiscal TecnoSpeed

O Auditor Fiscal da TecnoSpeed é um recurso da NFe TecnoSpeed, que identifica mais de 400 erros e inconsistências e apresenta-os para o seu software.

O Auditor Online da TecnoSpeed já está compatível com as regras da NT 2016.002, que institui a NF-e 4.0. Ao validar um XML, o Auditor Online verifica a versão da NF-e e atribui as regras de validação relativas a ela. Sendo assim, ele continua compatível com a NF-e 3.10.

Assim, o sistema faz a leitura dos arquivos XML e TX2 e identifica erros ou apenas faz a validação tributárias da notas.

O usuário pode utilizá-lo para validar as NFes dentro do sistema ou submetê-las ao processo de validação antes de enviá-las à Sefaz.

Esse recurso pode ser facilmente integrado ao seu ERP para oferecer uma melhor experiência aos seus clientes e evitar que eles incorram em erros de NFe. 

NF-e da TecnoSpeed  

NFe TecnoSpeed

A NFe TecnoSpeed traz ainda muitas outras funcionalidades que facilitam o processo de emissão, validação e armazenamento das notas fiscais do seu cliente.

É uma solução pronta para ser integrada ao seu software, que realiza todas as etapas de emissão da Nota Fiscal Eletrônica, desde a geração do XML até a impressão do DANFe.

Uma vez que você integra essa plataforma no seu software, não precisa mais se preocupar com o fluxo das NFes, o sistema cuida de tudo!

E o melhor é que você também não precisa fazer a atualizações de acordo com novas regras que vão surgindo, a NFe TecnoSpeed é preparada para estar sempre alinhada à legislação atual. 

Para integrar a nossa solução ao seu software é muito fácil. A integração pode ser feita tanto por meio de uma API como via Componente, por meio de uma biblioteca DLL com as modalidades próprias para a emissão de NFes. 

Conheça mais sobre o produto e conte com o nosso time de suporte para te orientar sempre que for necessário!

Formado em Comunicação em Multimeios. Analista de Marketing da TecnoSpeed, focado em produção de conteúdos para mídias digitais.

Artigos relacionados