Tempo de Leitura: 5 minutos

O mercado de TI é rico em oportunidades, mas também muito competitivo. Saiba mais sobre as possibilidades da carreira de programador e as melhores dicas para você trilhar um caminho de sucesso!


O mercado de TI é rico em oportunidades, mas também muito competitivo. Saiba mais sobre as possibilidades da carreira de programador e as melhores dicas para você trilhar um caminho de sucesso!

Dentro do mercado de tecnologia da informação, a carreira de programador ou desenvolvedor é uma das mais comuns e promissoras, isso porque existem diversas áreas de atuação e demandas em quase todos os segmentos. 

Se você trabalha ou está pensando seguir nessa área, nós vamos tirar todas as suas dúvidas e te ajudar a se diferenciar da concorrência, se tornando o programador que toda empresa gostaria de ter entre os colaboradores.

O que faz uma carreira de programador?

O programador é o responsável pelo desenvolvimento, codificação e manutenção de diferentes tipos de softwares, como programas, websites, aplicativos e sistemas. Em geral, seu objetivo é implementar ou aprimorar soluções e, para isso, utiliza dados, raciocínio lógico e uma ou mais linguagens de programação.

Além da possibilidade de atuar em software houses e de forma autônoma, o programador também possui oportunidades em empresas que possuam um departamento de TI ou uma demanda nesse sentido, independente do segmento.

Sobre as linguagens de programação

Sem dúvidas, o conhecimento em linguagens de programação é uma habilidade técnica essencial para o desenvolvedor, pois elas são as ferramentas que permitem que ele compreenda e estruture os comandos e características dos softwares.

Porém, dentro dessa certeza existem diferentes possibilidades, afinal existem diversas linguagens, com sintaxes e aplicações específicas. Para ser um programador não é preciso conhecer todas as linguagens disponíveis e a melhor opção para aprender e/ou utilizar depende muito do seu objetivo. Dentre as mais utilizadas no mercado podemos citar JavaScript, Java, C, C# C++, PHP e Python.

Áreas de atuação

a carreira de programador exige proatividade e dedicação.
A carreira de programador tem diferentes caminhos, veja alguns logo abaixo. | Image: Unplash

As possíveis áreas de atuação do programador são muitas. Confira as principais que você pode seguir na sua carreira:

Desktop

Um programador desktop lidará com o desenvolvimento de software ou aplicações executáveis em um computador ou uma rede de computadores, a partir de um sistema operacional, como Linux, Windows ou MAC.

Web

O programador ou desenvolvedor web trabalha na programação de páginas online, planejando, estruturando e garantindo o bom funcionamento de sites ou web applications. É possível especificar a atuação de um desenvolvedor web, a partir do seu foco de programação, entre duas áreas: 

  • Front-end, que desenvolve focado na interface do website ou aplicação, pensando nas melhores escolhas visuais para a experiência do usuário;
  • Back-end, que lida com a programação do servidor, dos sistemas de dados e integração e tudo mais que envolve o desempenho da página, mas é invisível para o usuário.

Além disso, também temos a denominação full stack, que pode ser usada quando o desenvolvedor possui conhecimento para desenvolver aplicações básicas tanto para front e quanto para back-end ou tanto para web quanto para mobile.

Mobile

O programador mobile possui foco em aplicações para dispositivos móveis, como o celular, trabalhando a partir de uma ou mais linguagens compatíveis com os sistemas iOS e/ou Android.

Games 

Os desenvolvedores de games projetam e programam, parcial ou integralmente, jogos para diferentes plataformas, de computadores a celulares e consoles. Nessa área, o trabalho conjunto com designers é essencial, considerando a alta demanda imersiva e visual dos games.

Banco de dados

Por fim, também existem programadores que trabalham especificamente com processamento e análise de dados, gerenciando a implementação, desempenho e segurança das informações contidas em um sistema.

Quais as principais competências?

Na carreira de programador, sem dúvidas você precisa dominar linguagens.
Escolha a sua linguagem e invista no aprendizado. | Imagem: Unplash

Como vimos, um programador precisa dominar linguagens de programação e desenvolver suas capacidades analíticas a fim de encontrar soluções lógicas ao desenvolver softwares. Fora isso, um bom nível de inglês e o aprimoramento constante são super importantes, considerando a presença significativa de termos estrangeiros no dia a dia da programação e a alta competitividade e dinamicidade do mercado.

Mas isso tudo é básico e você pode desenvolver outras competências, para além da programação, que vão realmente fazer seu currículo se destacar entre os demais e te tornar um profissional de valor.

Você precisa ir além do básico!

O programador é um desenvolvedor de soluções e não um mero executor ou codificador de demandas e é por isso que você precisa ser capaz de projetar as suas entregas para além do código, garantindo uma boa comunicação e bons resultados tanto para o seu empregador quanto para o cliente.

Para isso, a dica é você buscar entender não só sobre tecnologia, mas sobre regras de negócio, se tornando capaz de propor soluções de software cada vez mais otimizadas e eficazes.É claro que cada segmento apresenta regras de negócio específicas, mas a nossa sugestão para você é se antecipar. Ter um conhecimento prévio sobre regras de negócio contábeis, por exemplo, pode te abrir portas em empresas especializadas nessa área ou representar uma nova oportunidade de atuação e captação de clientes para a empresa que você já trabalha.

De um jeito ou de outro, o seu valor de mercado com certeza aumentará e as soluções por você propostas serão muito mais alinhadas às necessidades do cliente do que as sugeridas por um desenvolvedor sem essa visão mais macro.

A voz da experiência

Convidamos dois desenvolvedores do time TecnoSpeed que têm uma rica trajetória na área e podem confirmar como esse conhecimento em negócios fez diferença na carreira de programador deles e também pode fazer na sua:

Gobeti Júnior – DEV Sênior da TecnoSpeed

Gobeti Jr. – DEV Sênior: “Trabalho com desenvolvimento de software há quase vinte anos e entender sobre regras de negócio teve e continua tendo bastante impacto na minha carreira. Me ajuda a ser um profissional mais completo, consequentemente me abre boas oportunidades de emprego na área de TI. Em muitas empresas, principalmente as que possuem sistemas de gestão/ERP, o conhecimento sobre regras de negócio é tão ou mais importante do que o conhecimento técnico, então os profissionais que conseguem aliar conhecimentos de regras de negócios à parte técnica e comportamental estão sendo bastante disputados pelo mercado de trabalho. É um diferencial que pode garantir uma carreira de sucesso.”

Lucas Santos – DEV Sênior da TecnoSpeed

Lucas Santos – DEV Sênior: “Entender as regras de negócio faz com que você saiba o que acontece lá no dia a dia do cliente, como ele irá utilizar a sua solução e como ela irá impactar no resultado ou na produtividade do seu cliente.Ter esse conhecimento é determinante para o sucesso ou fracasso na aceitação do uso do seu produto, faz com que você precise testar menos cenários possíveis para entender a necessidade do seu cliente e entregar o que ele realmente precisa.”

Ou seja, saia da caixa e procure ampliar seus conhecimentos sobre os segmentos dos seus potenciais clientes ou os que deseja atuar. Assim suas oportunidades serão multiplicadas e o seu futuro como programador será brilhante!

E que tal começar agora mesmo? Nós da TecnoSpeed estamos sempre compartilhando dicas com foco em você, desenvolvedor, e nas suas possibilidades de negócio.

Assine já nossa newsletter e se mantenha atualizado.


Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Localização

Tecnospeed ©  2021. Feito com ❤ pelo time Tecnospeed.