Nota fiscal cancelada: em quais casos fazer?

Nota fiscal cancelada é mesmo possível? Separamos um material que irá tirar todas as suas dúvidas, confira!


Há diferentes formas de corrigir erros na emissão de documentos fiscais eletrônicos, que variam de acordo com o segmento e as opções disponíveis em cada Unidade Federativa.

O envio da carta de correção é um exemplo de recurso que permite ao contribuinte indicar as informações corretas da Nota Fiscal eletrônica (NF-e), para que sejam anexadas à primeira nota. No entanto, dependendo do motivo do pedido, esse recurso não pode ser acionado, então, a alternativa é cancelar a nota fiscal.

Neste artigo explicamos em quais situações uma nota fiscal pode ser cancelada e para quais momentos a prática é indicada. Boa leitura! 

NF-e

Nota Fiscal cancelada: é possível?

Sim! Mas, atenção: a nota fiscal só pode ser cancelada se o produto ainda não tiver saído da empresa que o comercializou, isso significa que a mercadoria não pode estar em circulação; e se o protocolo de Autorização de Uso já tiver sido gerado no sistema de emissão. 

Outra variável que precisa ser observada antes de cancelar a NF-e é se o contribuinte já passou pela etapa Ciência da Emissão, declarada antes do download do XML. Caso já tenha passado, não será possível fazer a anulação do documento. 

Para ter uma nota fiscal cancelada também é fundamental se atentar ao prazo: a maioria das UF’s costuma trabalhar com o cancelamento em até 24 horas após a autorização do Fisco, porém, há Estados que possuem regras próprias. 

Quando optar pelo cancelamento?

1 – Informações equivocadas

A nota fiscal pode ser cancelada quando houver erros de digitação nos campos de preenchimento obrigatório da nota fiscal, como nome de fornecedores; nos números do CNPJ ou razão social e também quando os cálculos indicados no campo de valores estiverem equivocados.

Nota fiscal cancelada, isso é possível? Respondemos aqui.

A nota fiscal pode ser cancelada quando o serviço não chegou a ser prestado ou se o produto ainda não está em circulação, desde que esteja dentro do prazo estipulado pelo Estado. | Imagem: Unsplash.

2 – Desistência

Também é permitida nos casos em que o consumidor desiste de fazer o pedido de determinado produto ou quando o serviço não chegou a ser executado. 

É possível cancelar após o prazo?

As regras variam de Estado para Estado: há locais que permitem o cancelamento em até duas horas após a autorização e outros que trabalham com dois dias de prazo. Portanto, o primeiro passo é se informar sobre à quais regras sua empresa está submetida.

Feito isso, procure saber qual é o percentual da penalidade e o valor que vai incidir sobre a nota para os casos em que o prazo foi perdido. A fiscalização é feita pela Receita Federal e o valor da multa é de 1,5% (em cima do valor da transação).

Veja outras alternativas:

Nota fiscal de estorno/ajustes:

É permitida para os casos que a mercadoria não saiu do local, e pode ser usada mesmo após o término do prazo de cancelamento da NF-e no Estado de atuação da empresa.

Nota fiscal de devolução

É uma opção para quando a mercadoria foi devolvida, em situações em que houve movimentação e pode ser usada antes ou depois do prazo de cancelamento da nota emitida expirar.

Carta de correção 

A carta de correção eletrônica é uma modalidade que contribui para que não haja o cancelamento desnecessário de notas, já que permite a correção de alguns dados, como Código Fiscal da Operação (CFOP), peso, volume e acondicionamento, os dados do transportador, o endereço do destinatário, etc.

A alíquota do imposto, a base de cálculo, valores fiscais e quaisquer informações que alterem a operação não podem ser corrigidos. 

Assista o vídeo para entender o que pode e o que não ser corrigido:  

 

A software house que é cliente da Tecnospeed conta com um módulo fiscal atualizado com a legislação vigente para diferentes ramos: serviço, indústria e varejo. Com essa integração o seu cliente pode fazer todas as operações referentes aos documentos fiscais com mais praticidade e segurança! 

Conheça nosso módulo fiscal

Summary
Nota Fiscal cancelada é possível?
Article Name
Nota Fiscal cancelada é possível?
Description
Sim! Mas, atenção: a nota fiscal só pode ser cancelada se o produto ainda não tiver saído da empresa que o comercializou, isso significa que a mercadoria não pode estar em circulação; e se o protocolo de Autorização de Uso já tiver sido gerado no sistema de emissão.  Outra variável que precisa ser observada antes de cancelar a NF-e é se o contribuinte já passou pela etapa Ciência da Emissão, declarada antes do download do XML. Caso já tenha passado, não será possível fazer a anulação do documento.  Para ter uma nota fiscal cancelada também é fundamental se atentar ao prazo: a maioria das UF’s costuma trabalhar com o cancelamento em até 24 horas após a autorização do Fisco, porém, há Estados que possuem regras próprias.
Author
Publisher Name
TecnoSpeed
Publisher Logo
Formado em Marketing. Redator do Grupo TecnoSpeed. Escreve artigos e conteúdos para TecnoSpeed DF-e, Certificados Digitais e WiFire.

Artigos relacionados